Diego Maryo Portal

Deuses Primordiais


Pontos

 

 

Na mitologia grega, Ponto (em grego Πόντος, transl. Póntos, “alto-mar”) era o antigo deus pré-olímpico do mar.
Segundo Hesíodo em sua Teogonia, tal como Urano, Ponto nasceu por partenogénese de Gaia, a Terra, ou seja, Gaia gerou Ponto por si própria, sem se acasalar. Já Higino afirmou que Ponto era filho de Gaia com Éter, o Ar.
Foi pai com Gaia do velho do mar, Nereu, e de Taumante, dos aspectos perigosos do mar, Forcis e sua irmã e esposa Ceto, e de Euríbia. Com Talassa (cujo nome também significa “mar”, mas com uma raiz pré-grega), foi pai dos Telquines.
Compare com o titã do mar Oceano, cuja presença é mais vívida entre os helénicos.

 

 

Ficha básica

  • Referência: Pontos
  • Título: Deus do mar
  • Histórico: Parte extremamente importante do exército de Cronos, pois ele é o responsável por quebrar o lacre que aprisionava os Titãs e suas armas. Apesar de filho de Gaia, Pontos não é um Titã e sim um deus primordial do mar. Sua armadura é chamada Ars Magna. Para ele, apenas Gaia tem valor, e tudo o que ele faz visa o benefício dela.

Prometeus

 

 

Na mitologia grega, Prometeu (em grego: Προμηθεύς, “antevisão”) é um titã, filho de Jápeto (filho de Urano e Gaia) e irmão de Atlas, Epimeteu e Menoécio.Algumas fontes citam sua mãe como sendo Tétis, enquanto outras, como Pseudo-Apolodoro, apontam para Ásia, também chamada de Clímene, filha de Oceano. Foi um defensor da humanidade, conhecido por sua astuta inteligência, responsável por roubar o fogo de Zeus e o dar aos mortais. Zeus teria então punido-o por este crime, deixando-o amarrado a uma rocha por toda a eternidade enquanto uma grande águia comia todo dia seu fígado – que crescia novamente no dia seguinte. O mito foi abordado por diversas fontes antigas (entre elas dois dos principais autores gregos, Hesíodo e Ésquilo), nas quais Prometeu é creditado – ou culpado – por ter desempenhado um papel crucial na história da humanidade.
Pai de Deucalião, em algumas versões teria criado os homens usando água e terra, além de ter-lhes dado o fogo.

 

 

Ficha básica

  • Referência: Prometeu
  • Título: Deus Criador do Homem
  • Histórico: Um titã, mas também um deus quase primodial, filho de Gaia e Urano, foi ele quem criou os homens misturando suas lagrimas com o barro da terra com a ajuda de Atena, por ter roubado o fogo do olimpo para dar aos homens, foi castigado por Zeus aprisionado em um rochedo onde uma águia comia seu figado. Nos tempos atuais quer ter seu direito de governa os homens, pois foram criados por ele e assim se acha no direito de reina sobre suas criações.

Gaia

 

 

GaiaGéiaGea ou  era a titânide (ou titanesa) da Terra, a Mãe Terra, como elemento primordial e latente de uma potencialidade geradora quase absurda. Segundo Hesíodo, no princípio surge o Caos, e do Caos nascem Gaia, Tártaro, Eros (o amor), Érebo e Nix (a noite).
Gaia gera sozinha Urano, Ponto e as Óreas (as montanhas). Ela gerou Urano, seu igual, com o desejo de ter alguém que a cobrisse completamente, e para que houvesse um lar eterno para os deuses “bem-aventurados”.
Com Urano, Gaia gerou os 12 Titãs: Oceano, Céos, Crio, Hiperião, Jápeto, Téia, Reia, Têmis, Mnemosine, a coroada de ouro Febe e a amada Tétis; por fim nasceu Cronos, o mais novo e mais terrível dos seus filhos, que odiava a luxúria do seu pai.
Após, Urano e Gaia geraram os Ciclopes e os Hecatônquiros (Gigantes de Cem Mãos). Sendo Urano capaz de prever o futuro, temeu o poder de filhos tão grandes e poderosos e os encerrou novamente no útero de Gaia. Ela, que gemia com dores atrozes sem poder parir, chamou seus filhos Titãs e pediu auxílio para libertar os irmãos e se vingar do pai. Somente Cronos aceitou. Gaia então tirou do peito o aço e fez a foice dentada. Colocou-a na mão de Cronos e os escondeu, para que, quando viesse Urano, durante a noite não percebesse sua presença. Ao descer, Urano, para se unir mais uma vez com a esposa, foi surpreendido por Cronos, que atacou-o e castrou-o, separando assim o Céu e a Terra. Cronos lançou os testículos de Urano ao mar, mas algumas gotas caíram sobre a terra, fecundando-a. Do sangue de Urano derramado sobre Gaia, nasceram os Gigantes, as Erínias as Melíades e Afrodite.
Após a queda de Urano, Cronos subiu ao trono do mundo e libertou os irmãos. Mas vendo o quanto eram poderosos, também os temia e os aprisionou mais uma vez. Gaia, revoltada com o ato de tirania e intolerância do filho, tramou uma nova vingança.
Quando Cronos se casou com Réia e passou a reger todo o universo, Urano lhe anunciou que um de seus filhos o destronaria. Ele então passou a devorar cada recém nascido por conselhos do pai. Mas Gaia ajudou Réia a salvar o filho que viria a ser Zeus. Réia então, em vez de entregar seu filho para Cronos devorar entregou-lhe uma pedra, e escondeu seu filho em uma caverna.
Já adulto, Zeus declarou guerra ao pai e aos demais Titãs com a ajuda de Gaia. E durante cem anos nenhum dos lados chegava ao triunfo. Gaia então foi até Zeus e prometeu que ele venceria e se tornaria rei do universo se descesse ao Tártaro e libertasse os três Ciclopes e os três Hecatônquiros.
Ouvindo os conselhos de Gaia, Zeus venceu Cronos, com a ajuda dos filhos libertos da Terra e se tornou o novo soberano do Universo. Todavia, Zeus realizou um acordo com os Hecatônquiros para que estes vigiassem os Titãs no fundo do Tártaro. Gaia pela terceira vez se revoltou e lançou mão de todas as suas armas para destronar Zeus.
Num primeiro momento, ela pariu os incontáveis Andróginos, seres com quatro pernas e quatro braços que se ligavam por meio da coluna terminado em duas cabeças, além de possuir os órgãos genitais femininos e masculinos. Os Andróginos surgiam do chão em todos os quadrantes e escalavam o Olimpo com a inteção de destruir Zeus, mas, por conselhos de Têmis, ele e os demais deuses deveriam acertar os Andróginos na coluna, de modo a dividi-los exatamente ao meio. Assim feito, Zeus venceu.
Em uma outra oportunidade, Gaia produziu uma planta que ao ser comida poderia dar imortalidade aos Gigantes; todavia a planta necessitava de luz para crescer. Mas ao saber disto Zeus ordenou que Hélios, Selene, Eos e as Estrelas não subissem ao céu, e escondido nos véus de Nix, ele encontrou a planta e a destruiu. Mesmo assim Gaia incitou os Gigantes a colocarem as montanhas umas sobre as outras na intenção de subir o céu e invadir o Olimpo. Mas Zeus e os outros deuses venceram novamente.
Como última alternativa, enviou seu filho mais novo e o mais horrendo, Tifão para dar cabo dos deuses e seus aliados, mas os deuses se uniram contra a terrivel criatura e depois de uma terrivel e sangrenta batalha, eles conseguem vencer o último filho de Gaia.
Enfim, Gaia cedeu e acordou com Zeus que jamais voltaria a tramar contra seu governo. Dessa forma, ela foi recebida como uma deusa Olímpica.

 

 

Ficha básica

  • Referência: Gaia
  • Título: Deusa da Terra
  • Histórico: Mãe de Urano, dos Titãs, dos Gigas e de Pontos. Ela criou as Sohmas para os Titãs. Está por trás de Pontos, e utiliza os Titãs como joguetes para promover a própria ressurreição. Gaia acredita que tem o direito sagrado de governar a Terra que ela mesma gerou.

One Thought on “Deuses Primordiais

  1. Oi pessoal ! Eu sou fã desse desenho já um tempão desde o ano de 1994 e 1995 até hoje eu assisto os cavaleiros do zodiacos e já tenho a coleção inteira de DVDs dos cavaleiros do zodiacos e não são poucos não ok? Eu tenho desde as primeiras sagas dos cavaleiros no torneio galáctico da fundação Mitsumassa Kido ! A saga dos 12 cavaleiros de ouro das 12 casas,a saga de Asgard de Hilda de Polaris,depois vem o Poseidon Rey dos Mares, e logo em seguida veio essa saga que é a saga de Hades ! Cheguei comprar o box com 6 discos da saga de Hades na primeira versão The Lost Canvas e só consegui no episódio 1,2,3,4,5,6,7,8,9,10,11,12,13 só no comecinho desse episódio! Depois comprei os episódios finais que dizem que o final é até o episódio 26 que é uma mentira das grandes. Eu assisti esse episódio 27,28,29,e vai até o episódio de 114 que vai até o episódio 233 que é a grande final mesmo ok? Eu me esqueci de me apresentar prá vocês ,eu me chamo Raquel de Almeida Soares e sou brasileira !

Deixe uma resposta